INFORME DA FITRATELP

A Federação Interestadual dos Trabalhadores e Pesquisadores em Serviços de Telecomunicações - FITRATELP, torna público sua repulsa ao pronunciamento feito ontem pelo presidente da república Jair Bolsonaro, tratando a PANDEMIA do Corona Vírus - COVID-19, de forma irresponsável, numa clara demonstrando de incapacidade de lidar com a crise sanitária provocada pela pandemia do novo corona vírus.

Desconsiderando as medidas de segurança decretadas pelos Governadores e Prefeitos nas cidades brasileiras, Jair Bolsonaro está contrariando também as orientações da OMS - Organização Mundial de Saúde e os exemplos de outros países que não têm medido esforços para conter o novo coronavírus que ameaça a população mundial. Mais uma vez o presidente tenta minimizar os riscos da doença que segundo ele é apenas uma “gripezinha” ou um “resfriadinho”, tratando como histeria os cuidados e a adesão das pessoas ao isolamento social.

O presidente se omite nas ações preventivas, causa confusão ao declarar publicamente que os efeitos da pandemia estão sendo supervalorizados pelas emissoras de TV, Governadores e Prefeitos, contradizendo o seu Ministro da saúde que tem declarado reiteradamente a necessidade de reduzir o convívio social, como única forma de impedir a propagação do vírus.

A atitude irresponsável e criminosa do presidente motiva a nossa declaração de REPULSA e o pedido de afastamento imediato das funções por total incompetência para exercer o cargo de presidente e administrar a crise sanitária que vive o país.

Permanecendo essa situação de ingovernabilidade por conflito entre a Presidência da República e os Governadores e Prefeitos, teremos o caos em nosso país o que não podemos admitir.

Urge que as autoridades do nosso país tomem as devidas providências para impedir a calamidade e o caos que se instala celeremente pelas atitudes irresponsáveis do senhor Jair Messias Bolsonaro.

Saudações Sindicais,

FITRATELP

logo fitratelp 3 f01CUTA

Rua Washington Luiz, 572 - Centro, Cep 90010-460 Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

A direção do SINTTEL-RS acompanha atentamente o avanço da pandemia de COVID-19, a doença causada pelo CORONAVÍRUS. Preocupada com os trabalhadores em telecomunicações e, também, com os do Sindicato, decidiu reduzir o horário de trabalho podendo ser reavaliado a qualquer instante, conforme evolução do estado de alerta.

O novo horário é das 10h às 16h15. Este horário é emergencial.

Reafirmamos que estamos à disposição dos trabalhadores e trabalhadoras e orientamos todos que, caso necessitem de informações ou qualquer outra questão, podem enviar email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou por telefone, pelo número (51) 3286.9600.

Atenciosamente,

Direção SINTTEL-RS