Saiu na imprensa: OI celular fatiada pela VIVO e a TIM

A Telefonica (dona da marca Vivo) e a TIM planejam colocar na mesa uma proposta de compra das redes móveis da Oi daqui dois a três meses, aproximadamente. As companhias têm trabalhado durante a quarentena nas diligências para análise dos ativos.

As redes móveis da operadora valem em torno de R$ 15 bilhões, segundo cálculos de analistas de mercado. Em uma potencial transação, as redes serão apartadas dentro de “unidades produtivas isoladas” (UPI) para que fiquem separadas dos demais ativos e dívidas da Oi, que segue em recuperação judicial.
Mesmo que as concorrentes façam uma proposta logo, a Oi só poderá fechar negócio depois de levar o assunto para uma assembleia geral de credores, o que está previsto para o segundo semestre. Isso porque a venda da parte móvel altera a estrutura da Oi e os termos do plano de recuperação aprovado pelos credores no fim de 2018.
A divisão da rede móvel da Oi entre a TIM e a Telefônica não vai ser feita em fatias iguais. Para a transação ficar de pé, cerca de 60% a 70% dos ativos da Oi vão ficar com a TIM, de acordo com entendimento prévio entre as empresas. A divisão desigual será necessária para evitar que a Telefonica, líder de mercado, fique ainda mais distante das concorrentes e acabe sendo impedida pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) de efetivar a compra.

C/Informações da Folha de SP.

14/05/2020 15:37:03

logo fitratelp 3 f01CUTA

A direção do SINTTEL-RS acompanha atentamente o avanço da pandemia de COVID-19, a doença causada pelo CORONAVÍRUS. Preocupada com os trabalhadores em telecomunicações e, também, com os do Sindicato, decidiu reduzir o horário de trabalho podendo ser reavaliado a qualquer instante, conforme evolução do estado de alerta.

O novo horário é das 10h às 16h15. Este horário é emergencial.

Reafirmamos que estamos à disposição dos trabalhadores e trabalhadoras e orientamos todos que, caso necessitem de informações ou qualquer outra questão, podem enviar email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou por telefone, pelo número (51) 3286.9600.

Atenciosamente,

Direção SINTTEL-RS