Sábado, 18 Agosto 2018

defesa da petrobrás

Os petroleiros e trabalhadores de diversas outras categorias, além de centrais sindicais, estão chamando a população para participar, nesta quinta-feira, dia 7, às 18 horas, na Esquina Democrática, em Porto Alegre, de um ato pela redução do preço do gás e da gasolina.

A atividade, chamada pelo SINDIPETRO-RS, objetiva pressionar o governo para que seja alterada a política de preços da Petrobrás para os combustíveis, hoje voltada para o mercado e prejudicial para a população. Os trabalhadores também querem denunciar a política do governo golpista do Temer de desmonte da estatal, com objetivo de privatizar uma das maiores e mais importantes empresas brasileiras, entregando não só o petróleo e o pré-sal para petrolíferas estrangeiras, mas também a soberania e a possibilidade de desenvolvimento do Brasil garantido pela Petrobrás.

Os petroleiros lembram que desde que foi criada, em 1954, a Petrobrás tem sido cobiçada pelos grupos empresariais estrangeiros. Mas a resistência do povo vem impedindo a sua entrega, como nos anos 90, durante o governo FHC, que chegou a mudar o nome da empresa para “Petrobrax” com objetivo de privatizar a estatal. E foi exatamente a resistência do povo, somada a eleição do Lula, que interrompeu o projeto de privatização da empresa.

Agora, além de lutar para mudanças na política de preços da Petrobrás, é fundamental também que todos os setores da sociedade se unam aos trabalhadores para defender a Petrobrás e impedir sua privatização.

Se a gasolina e o gás de cozinha já estão caros, imagine se a Petrobrás for privatizada!

Nesta quinta, às 18h, todos na Esquina Democrática.

Assessoria de Comunicação

06/06/2018 15:51:30

Reforma Trabalhista, veja o que mudou !

clt

App